Exposições | Vozes Agudas

O grupo de estudos e trabalho “Vozes Agudas” também atua no sentido de praticar o exercício crítico e de curadoria, com a intenção de trazer para o Ateliê397 mulheres artistas contemporâneas.

A primeira exposição aconteceu em 2018 e deu nome ao grupo: Vozes Agudas


Vozes Agudas
A exposição coletiva “Vozes Agudas” é um desdobramento do Grupo de Estudos “Mulheres não precisam estar nuas para entrarem nos museus”, que ocorreu no Ateliê397. Durante o primeiro semestre de 2018, curadoras, pesquisadoras e artistas se reuniram semanalmente para discutir o lugar da mulher no mundo da arte, suas contribuições e os espaços por elas ocupados. Assim, essa mostra é um dos resultados de uma série de reflexões sobre a estrutura do circuito artístico brasileiro que desestimula constantemente o desenvolvimento e a circulação da produção das mulheres. A abertura aconteceu dia 1º de setembro de 2018.