Daniel Rubim – Migrações

Dando continuidade à proposta de mostrar trabalhos de artistas em início de carreira, o Ateliê397 apresenta, no dia 5 de fevereiro, a partir das 19h, a exposição “Migrações” de Daniel Rubim. Trata-se da primeira mostra individual do artista, realizada com o apoio do Proac “Primeira Obra de Artes Visuais”.

A pesquisa de Rubim enfoca a imaterialidade de processos sociais e econômicos que, embora bastante presentes em análises políticas, em textos de jornais e em conversas cotidianas, permanecem inapreensíveis no plano concreto. No projeto “Migrações” ele dirige sua atenção à importação de bens e mercadorias, mostrando suas diversas facetas, muitas delas invisíveis, ou não imediatamente conectadas ao ato de trazer coisas de um país para outro.

A exposição apresenta a instalação “Migrações”, de 2012, composta por fotografias, objetos e documentos. O processo se inicia quando o artista propõe-se a importar um carregamento de cerca de mil patos de borracha do local em que foram produzidos, na China, para o Brasil. Para realizar a importação, o artista pesquisou documentos e leis e buscou registrar alguns pontos em que as mercadorias normalmente passam para chegar às mãos dos consumidores:
o porto de Santos, as rodovias, o prédio da Receita Federal e da Alfândega. Ao retratar esse percurso, o artista pretende, em suas palavras, “elucidar que a burocracia, por maior que seja, existe por necessidade destas estruturas de interesse público, gigantescas, que o Estado administra”.

Biblioteca
No mesmo dia e horário, o Ateliê 397 apresenta ao público suas novas
instalações e inaugura sua Biblioteca, com livros de arte disponíveis para
consulta no local.

Abertura 5 de fevereiro às 19h
Visitação 6 a 22 de fevereiro
terça a sexta das 14hàs 19h
Ateliê 397: Rua Wisard, 397 – Vila madalena
[email protected]
3034-2132