Clínica Geral: 2o. semestre de 2020

O Clínica Geral é um curso voltado à discussão de projetos de artistas. Os  encontros, semanais, são dedicados a apresentação de trabalhos dos inscritos e ao debate de temas atuais nas artes visuais.

O grupo com reuniões às terça, orientado por Carollina Lauriano e Raphael Escobar, é indicado para artistas que estão começando e que gostariam de conversar sobre como delimitar um campo para sua pesquisa plástica, como preparar um portfólio, entender melhor quais as oportunidades de mostrar seu trabalho, entre outros temas relevantes.

O grupo que se reúne às quintas, orientado por Thais Rivitti e Raphael Escobar, com artistas mais  experientes, além das trocas de referências e da discussão sobre as poéticas dos trabalhos, procura articular formas de exibição de suas pesquisas, pensando também sobre os lugares de interesse e meios de inserção dentro do sistema.

Embora as aulas sejam majoritariamente destinadas a comentar a produção dos inscritos, eventualmente, há uma aula de cunho mais teórico, com leituras e discussões de textos escolhidos pelos próprios grupos. Esporadicamente também, convidamos interlocutores de fora, sejam artistas, curadores ou pesquisadores para colaborarem conosco nos encontros.

A dinâmica é informal, o clima é de colaboração mútua e o intuito maior do programa é funcionar como uma rede de trocas e fazer com que cada artista avance um pouco na suas próprias questões por meio de referências, diálogos e muita reflexão. No segundo semestre de 2020 as aulas serão realizadas por uma plataforma virtual.

Carollina Lauriano atua como curadora independente desde 2017. De 2018 a 2020 integrou o time de curadoria e gestão do Ateliê397. Dentre os principais projetos realizados estão as exposições “Corpo além do corpo”, “Céus Cruzados”, individual da artista Sol Casal e “A noite não adormecerá jamais nos olhos nossos”, que reuniu artistas racializadas na Galeria Baró para apresentar e discutir a produção de corpos dissidentes dentro do mercado de arte.

Raphael Escobar é graduado em Artes Visuais pelo Centro Universitário Belas artes de São Paulo, e Pós-Graduando em Estudos Brasileiros pela Fundação Escola de Sociologia e Política. Desde 2009, trabalha com contextos de vulnerabilidade social e periferia na Fundação CASA e na Cracolândia. Esta atuação em contextos de disputa política e social serve como pesquisa para seu trabalho autoral. Já participou de exposições como a individual “Área de Conflito”, Zipper Galeria (São Paulo, Brasil, 2013), “Totemonumento”, Galeria Leme (São Paulo, Brasil, 2016), X Bienal de Arquitetura de São Paulo, Centro Cultural São Paulo (São Paulo, Brasil, 2013), “Espaços independentes: A alma é o Segredo do Negócio”, Funarte (São Paulo, Brasil, 2013), “Múltiplos 397”, Ateliê397 (São Paulo, Brasil, 2012). Participou de residências artísticas como “Muros: Territórios Compartilhados” (Salvador, 2013) e “Obras em construção”, Casa das Caldeiras (São Paulo, 2011).

Thais Rivitti é crítica de arte e curadora. Dirigiu o espaço de arte Ateliê397 de 2010 a 2018 onde corrdenou atividades como exposições, simpósios e  cursos. Foi curadora das exposições “Ratos e Urubus” (2019, CCSP) “Modos de ver o Brasil – Itau Cultural” (Oca, SP, 2017, em parceria com Paulo Herkenhoff e Leno Veras); “João Loureiro: Gelo para festas”; (2017, SESC Sorocaba); “Rodrigo Andrade: Praça da República” (Ateliê397, 2016); “Tombo”, de Rodrigo Braga (Casa França Brasil, RJ, 2015), “Ana Luiza Dias Batista: Faça Aqui” (Ateliê397, SP, 2015), entre outras. Foi coordenadora editorial dos livros: Beatriz Milhazes: pinturas, colagens (2008) Leda Catunda (2009), Andy Warhol: Mr. America (2010), Carmela Gross: um corpo de ideias (2011), Amigos fumantes, de João Loureiro (2020), entre outros.

Inscrição
Os interessados poderão se inscrever clicando aqui. Para o grupo das quintas-feiras, também é necessário enviar um e-mail para o endereço [email protected] com o portfólio.

Datas e horários
terças ou quintas, das 19h30 às 22h
início: 4 de agosto (terça) ou 6 de agosto (quinta)
número máximo de alunos: 16 por turma

Pagamento
A mensalidade do curso é de R$250,00 pagos por meio de boleto ou depósito em conta todo o dia 5.

Bolsas

Cada um dos grupos disponibilizará uma bolsa integral e duas bolsas de 50% para alunos negres e trans. Para solicitar a bolsa, envie um e-mail para [email protected] com o título “Bolsa para o Clínica” dizendo porque precisa do apoio.